Drauzio Varella Explica Sobre os Sintomas, Diagnóstico, Tratamento e Recomendações Contra Câncer de Próstata

Em homenagem ao Novembro Azul decidimos separar uma matéria realizada pelo médico oncologista Drauzio Varella, que apresenta sintomas, diagnóstico, tratamento e recomendações contra essa doença. Esse mês dedicado aos homens tem o objetivo de alertar para o exame rotineiro contra o câncer de proposta. Não deixe de se prevenir e alertar seus familiares e amigos. A estatística do câncer de próstata é que a cada 6 homens que chegam aos 50 anos, 1 terá câncer de próstata. Por isso o alerta, a divulgação de informação e tudo que cerca essa campanha é extremamente importante.


SINTOMAS

A maioria dos cânceres de próstata cresce lentamente e não causa sintomas. Tumores em estágio mais avançado podem ocasionar dificuldade para urinar, sensação de não conseguir esvaziar completamente a bexiga e hematúria (presença de sangue na urina).

Dor óssea, principalmente na região das costas, devido à presença de metástases, é sinal de que a doença evoluiu para um grau de maior gravidade.

DIAGNÓSTICO

O câncer de próstata pode ser diagnosticado por meio de exame físico (toque retal) e laboratorial (dosagem do PSA). Caso sejam constatados aumento da glândula ou PSA alterado, deve ser realizada uma biópsia para averiguar a presença de um tumor e se ele é maligno. Se for, o paciente precisa ser submetido a outros exames laboratoriais para se determinar seu tamanho e a presença ou não de metástases.

TRATAMENTO

O tratamento depende do tamanho e da classificação do tumor, assim como da idade do paciente e pode incluir prostatectomia radical (remoção cirúrgica da próstata), radioterapia, hormonoterapia e uso de medicamentos. Para os pacientes idosos com tumor de evolução lenta o acompanhamento clínico menos invasivo é uma opção que deve ser considerada.

RECOMENDAÇÕES 

  • Homens sem risco maior de desenvolver câncer de próstata devem começar a fazer os exames preventivos aos 50 anos;
  • Descendentes de negros ou homens com parentes de primeiro grau portadores de câncer de próstata antes dos 65 anos apresentam risco mais elevado de desenvolver a doença; portanto, devem começar a fazer os exames aos 45 anos;
  • Pessoas com familiares portadores de câncer de próstata diagnosticado antes dos 65 anos apresentam risco muito alto de desenvolver a doença; por isso, devem começar o acompanhamento médico e laboratorial aos 40 anos;
  • Optar por uma alimentação balanceada e praticar exercícios físicos regularmente são recomendações importantes para prevenir a doença.

O vídeo abaixo, traz informações extremamente importante para entendermos mais sobre essa doença:


drible o preconceito
REFERÊNCIAS:
http://drauziovarella.com.br/cancer/cancer-de-prostata/

E comente o que mais gostaria de ver aqui no blog.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.